sexta-feira, 22 de agosto de 2014

Oito melhores posições para a mulher chegar ao orgasmoExistem muitas formas de sentir prazer sexual, e elas são descobertas ao longo de toda a vida. Mas os principais caminhos para o orgasmo da mulher são dois: a vagina e o clitóris (órgão sexual feminino na parte superior da vulva). Em ambos os casos, há um segredo para o sucesso: o atrito. “Obter um orgasmo vaginal depende muito da inclinação do pênis com o ângulo da pelve feminina, pois isso favorece o atrito em um ponto da parede da vagina que pode levar à excitação máxima e resultar em um orgasmo”, explica a ginecologista e sexóloga Glene Rodrigues.  Pelo clitóris, o desencadeamento do gozo se dá pela fricção feita com o pênis, com as mãos (da própria mulher ou do parceiro) ou com um brinquedinho erótico. “Por ter mais enervações que a vagina, especialmente considerando a vagina lubrificada, o clitóris é bem mais sensível ao toque. Como ele é externo e fácil de acessar, um pouco de contato bem feito leva a mulher a um orgasmo”, afirma a sexóloga Walkíria Fernandes.  Para que tudo isso tenha efeito, a mulher precisa estar de bem com a própria sexualidade. “É importante ela entender que tem direito de sentir prazer. Ainda existem muitos tabus relacionados ao sexo em nossa sociedade, e se livrar deles é crucial para a mulher encontrar as condições favoráveis para o seu orgasmo”, diz Walkíria. A sex trainer Lucinara Costa complementa que a sintonia entre o casal também é elemento essencial nessa equação: “A mulher deve estar relaxada para conseguir chegar ao seu pico de prazer. Com um parceiro que respeite e entre no seu ritmo, tudo fica muito mais fácil e gostoso”. Em matéria publicada no portal IG, Glene, Walkíria e Lucinara apontam as oito melhores posições sexuais para a mulher chegar ao orgasmo, seja ele vaginal ou clitoriano. Entenda cada uma delas.

Cavalgada (a mulher por cima)= É a melhor para um orgasmo clitoriano. “Se a mulher se inclina para frente, pode roçar o clitóris no parceiro com mais facilidade. Se ela se inclinar para trás, pode se masturbar ao mesmo tempo em que o casal faz a penetração vaginal”, ilustra Glene.

Papai-e-mamãe (o homem por cima)= “De tão antiga, poderia ser chamada de ‘vovô e vovó’”, brinca Walkíria, para logo completar com seriedade: “Nela, o homem atinge uma penetração profunda e faz um contato grande com a entrada da vagina, além de friccionar o clitóris”. Ou seja, é uma posição que pode levar tanto ao orgasmo vaginal quanto ao clitoriano. Glene sugere, ainda, que a mulher coloque um travesseiro ou almofada debaixo do bumbum e posicione os pés sobre o peito do homem, pois isso “possibilita uma amplitude maior da pelve e uma penetração mais profunda”.

Mamãe-e-papai (a mulher por cima)= Assim como na cavalgada, a mulher controla o contato do clitóris com a genitália do parceiro, favorecendo o orgasmo clitoriano. A diferença é que, aqui, ela tem a chance de esfregar os seios no torso do homem, o que pode ser uma fonte adicional de prazer.

Cavalgada de costas (a mulher sentada sobre o pênis)= A mulher abre bem as pernas para garantir uma boa amplitude pélvica e auxiliar a penetração do parceiro, fazendo o caminho para um orgasmo vaginal. Ao mesmo tempo, o clitóris pode ser manipulado. “Nessa posição, o homem fica com as mãos livres para tocar a parceira e proporcionar um orgasmo clitoriano a ela”, diz Walkíria.

De quatro (o homem por trás da mulher)= Adorada pelos homens, confortável para as mulheres e boa para o orgasmo vaginal. “Ela favorece a penetração profunda e pode estimular a parede anterior ao ponto G feminino”, esclarece Glene.

Pouso (homem por cima da mulher de bruços)= Quando recebe a penetração dessa forma, a mulher consegue uma contração vaginal maior ao redor do pênis do parceiro. “Pode ser excitante para os dois, por um aumento do contato físico”, afirma Glene. O orgasmo vaginal é muito favorecido nessa posição.

De ladinho= Nela, o homem penetra e, de preferência, estimula o clitóris da mulher, levando-a a um orgasmo clitoriano. Lucinara indica essa posição para os dias em que a mulher está cansada, mas com disposição para fazer sexo. “O gasto de energia feminino é mínimo e o prazer pode ser máximo”, justifica.

Dança das borboletas (mulher e homem sentados frente a frente)= “É uma das mais fáceis para a mulher chegar ao orgasmo, tanto vaginal quanto clitoriano”, garante Lucinara. Isso porque o casal atinge uma penetração profunda, com atrito intenso contra as paredes da vagina, e a mulher está no controle de seus movimentos pélvicos, podendo roçar seu clitóris no corpo do parceiro livremente.

2 comentários:

  1. OLÁ!!!
    Para aqueles que procuram entrar nos EUA, Reino Unido ou Canadá legalmente, sem problemas, não hesite em contactar o nosso e-mail: visaclick900@gmail.com

    obrigado

    ResponderExcluir